Blog

Blog

Chega ao Brasil a Lurasidona, nova opção de tratamento para esquizofrenia e transtorno bipolar.

Editor do Portal 31 de outubro de 2017 Artigos, Blog, Noticias 40 comments
featured image

Chega este mês no Brasil, aprovado pela ANVISA (Agência de Vigilância Sanitária), a lurasidona (Latuda), mais uma opção para o tratamento da esquizofrenia e da depressão bipolar.

Lurasidona (comercializado com o nome de fantasia Latuda, pelo laboratório Daiichi Sankyo Brasil) é uma molécula com propriedades antipsicóticas da classe dos atípicos ou de segunda geração, agindo como antagonista (bloqueadora) de receptores de dopamina D2 e D3 e de receptores de serotonina 5-HT2A e 5-HT7 e como agonista parcial (estimulante) de receptores serotoninérgicos 5-HT1A.

Ela é aprovada nos EUA desde 2010 para o tratamento da esquizofrenia e desde 2013 para o transtorno bipolar (episódios depressivos).

É um antipsicótico de segunda geração como menor risco de efeitos cardiovasculares, ganho de peso e aumento de colesterol.

Alguns estudos mostram que a lurasidona tem uma eficácia em sintomas cognitivos, melhorando funções como atenção, memória e função executiva.

Latuda será comercializada no Brasil em doses de 20mg, 40mg e 80mg.

Vejam o comunicado da ANVISA:

Por: Ascom/Anvisa
Publicado: 18/10/2017 15:27
Última Modificação: 18/10/2017 15:33

Um medicamento inédito para a esquizofrenia e depressão associadas ao transtorno bipolar recebeu registro da Anvisa. O novo produto é o Latuda (cloridrato de lurasidona), um antipsicótico que deve ser comercializado em comprimidos de 20mg, 40mg e 80mg, em embalagens de 7, 14, 30 ou 60 comprimidos.

O novo produto traz algumas melhorias para o paciente como a baixa alteração do perfil metabólico, o que significa menor ganho de peso e alterações limitadas no perfil de gorduras e glicose do organismo.

Como se trata de um antipsicótico, a lurasidona foi enquadrada na categoria de medicamentos controlados e sua venda será feita somente com receita especial em duas vias.

O medicamento já havia sido aprovado na Europa e nos EUA. O registro foi publicado na última segunda-feira (16/10).

Quer saber as notícias da Anvisa em primeira mão? Siga-nos no Twitter @anvisa_oficial e Facebook @AnvisaOficial

40 comments

ana cecília salis - 31 de outubro de 2017

Sempre importante essas suas atualizações!

Ana - 31 de outubro de 2017

Muito importante mesmo!

Márcia - 31 de outubro de 2017

E o preço? Será acessível? Até chegar nós medicamentos de alto custo das prefeituras….

Fábio - 31 de outubro de 2017

Obrigado por postar vou conversar com minha psiquiatra, abraços!

Ariele - 1 de novembro de 2017

Será q esse medicamento serve para escrizofenia refratária? Meu irmão já engordou 30 quilos em menos de um ano. O medicamento engorda muito.

claudio nienow - 2 de novembro de 2017

esta na lista do sus ?

Jozeane Ramos - 3 de novembro de 2017

Gostei, pelo fato de engordar menos e fazer menos mal p o coração.

Editor do Portal - 13 de dezembro de 2017

Claudio, ainda não está nem nas farmácias. Obteve a aprovação pela ANVISA e está em fase de precificação, devendo chegar às farmácias em abril de 2018.

Editor do Portal - 13 de dezembro de 2017

Ariele, o único antipsicótico com eficácia comprovada na esquizofrenia refratária é a clozapina.

yuri - 20 de março de 2018

Já é possível comprar em farmácias aqui no Brasil ?

Marcela - 9 de abril de 2018

Olá. Será que podemos mesmo esperar por ele em abril? Eu já liguei na anvisa e tentei contato com o laboratório, mas o site está fora do ar. Eu preciso dessa medicação com urgência para uso concomitante.

Marcela - 9 de abril de 2018

Sobre o invega trinza. Quando será comercializado?

Editor do Portal - 26 de abril de 2018

Marcela, provavelmente até o final de 2018 ou inicio de 2019.

Editor do Portal - 26 de abril de 2018

Marcela, estará nas farmácias em maio.

Editor do Portal - 26 de abril de 2018

Sim, a partir de maio.

Marcus - 7 de maio de 2018

Latuda já chegou nas farmácias. Preço variando entre 240 à 320 reais, dependendo da dosagem.

Cinthia Quadros - 18 de junho de 2018

Qual a eficácia e tempo de melhora da Latuda?

Miguel - 29 de junho de 2018

Dr leonardo, essa medicação tem indicação para melhora de pensamentos suicidas?

Editor do Portal - 17 de julho de 2018

Miguel, não há estudos sobre ideação suicida e lurasidona, mas, como um medicamento eficaz nos quadros depressivos e psicóticos, deve ter algum efeito no combate a esses sintomas.

Editor do Portal - 17 de julho de 2018

Cinthia, como os demais antipsicóticos, é necessário aguardar de 4 a 8 semanas para avaliação do efeito.

Ana Paula Prado - 20 de julho de 2018

Dr. Leonardo, ele é indicado para pacientes bipolares tipo II com sintomas de ansiedade?

Rivane Ramos - 14 de agosto de 2018

É verdade que Latuda engorda?Eu preciso tomar ms não quero engordar!

mara - 16 de agosto de 2018

DR. meu filho comecou tomar 40mg de latuda faz uma semana e ainda nao teve melhora (agitado,pensamento desordenados, falta sono), sera que e pouco esta dose, ou demora mesmo para comecar fazer efeito.

MARIA - 31 de outubro de 2018

Sofro há mais de 20 anos de depressão bipolar e tive vários surtos. Andei em vias de fato de suicidar-me duas vezes. Por que tanto tempo para chegar ao Brasil a lurasidona…

Editor do Portal - 18 de novembro de 2018

Mara, a dose antipsicótica do Latuda costuma ser entre 80 e 160mg/d.

Editor do Portal - 18 de novembro de 2018

Rivane, está entre os antipsicóticos que dão menos ganho de peso.

Editor do Portal - 18 de novembro de 2018

Ana Paula, ele tem indicação em transtorno bipolar.

Fabio - 18 de novembro de 2018

Tive agitação e mal estar horrivel

Luisa - 20 de novembro de 2018

Vou iniciar hoje com a medicaçao latuda 40mg ,pois estou com muota oscilaçoes de humor e muitas crises depressiva junto sou bipolar1 mas uso outras medicaçoes bupropiona ,topiramato, e alprazolan minha medica orientou que nas primeiras semanas a adptaçao da medicaçao nova pode ter reaçoes me orientou a ter Plasil para tomar caso tenha muito mal estar.Daqui umas semanas vou deixar meu comentario de como foi adptaçao com a nova medicação.

Neri - 26 de novembro de 2018

Iniciei o latuda com meia dosagem por dois dias e foi a pior experiência da minha vida. Sempre peça uma segunda opinião médica. Este medicamento é um veneno farmacêutico.

Graça - 28 de novembro de 2018

Meu amigo toma Latuda há 2 meses, mas está com uma tremedeira horrivel que não cosegue nem assinar o nome, treme o corpo inteiro todo o tempo.
Será que isso não induz a doença de Parkinson? Como corrigir este efeito colateral da Latuda?

Editor do Portal - 11 de dezembro de 2018

Graça, um dos fatores que influencia isso é a titulação da dose. A lurasidona deve ser iniciada em doses bem baixas e aumentada gradativamente de acordo com a tolerabilidade do paciente. De fato ela pode causar efeitos parkinsonianos como os demais antipsicóticos, mas o início com doses mais altas parece sensibilizar os pacientes, principalmente aqueles que não tem história de uso de antipsicóticos ou sensibilidade maior aos efeitos parkinsonianos.

Yaskara - 12 de dezembro de 2018

Tenho esquizofrenia e estou tomando há 2 dias Latuda. Senti um aumento na sonolência, comparado com o antipsicotico anterior, o Haldol. Ele, o médico, começou com uma dosagem bem baixa, de 20 mg, e vai aumentar aos poucos até atingir 80 mg. Agora, na bula diz para tomar com refeições de pelo menos 350 calorias. O meu médico ñ falou nada disso, e eu sou vegetariana. Meu café da manhã ñ é tão calórico, assim como minha janta, e o médico falou para eu tomar o comprimido depois do café e da janta. Será q vai dar problema? Grata desde já por sua resposta.

Editor do Portal - 26 de dezembro de 2018

Yaskara, a absorção é de fato melhor após refeições, mas ela ocorre mesmo se a refeição tiver menos de 350 calorias.

katarina - 2 de fevereiro de 2019

Tomo latuda de 40 mg há 3 meses. Meu peso aumentou um pouco. O DR. sabe informar se a utilização de Liraglutida (victoza) receitado pelo endocrinologista para perda de peso é uma boa alternativa para perder peso adquirido? E se ao mesmo tempo não interferirá na absorção do Latuda.

Dalila - 6 de fevereiro de 2019

Já está a venda,estou usando…drogaria Pacheco vende.

Editor do Portal - 18 de março de 2019

Katarina, não existe uma contraindicação do uso dos dois medicamentos, mas os critérios para tratamento com Victoza não são do meu conhecimento.

Luisa - 18 de março de 2019

Ja se passaram 3 meses que estou com a medicaçao me adptei super bem melhor remedio que estabilizou meu amor so nao posso ficar sem tomar um dia pois ja sinto irritabilidade o unico problema é o mal estar apos ingestao da medicaçao mas como a doutora ja havia me passado que teriaque tomar plasil caso tivesse esses sintomas tomo a noite passo o dia super bem graças a deus a medicaçao me ajudou muito com as oscilaçoes de humor sinto que estabilizou .

Angelo - 2 de abril de 2019

Comprei mas é muito caro, será que tem algum genérico ou similar?

Angelo - 2 de abril de 2019

Estou usando 40 mg por dia…comecei ontem…porque se eu ja começar com 80 mg pode dar aqueles efeitos colaterais tipo os do risperidona que eu usava antes.

Add your comment