Blog

Blog

24 de Maio: Dia Mundial da Consciência sobre a Esquizofrenia.

Editor do Portal 15 de maio de 2018 Blog, Noticias 1 comment
featured image

No dia 24 de Maio é comemorado em vários países o Dia da Consciência sobre a Esquizofrenia (“Schizophrenia Awareness Day”), dia dedicado a divulgar informações para combater o estigma e o preconceito que ainda cercam a doença. No Rio de Janeiro haverá uma mobilização organizada por familiares e pacientes que integram os grupos de apoio comunitários da cidade (para conhecer a experiência de grupos de apoio no Rio de Janeiro, CLIQUE AQUI). O evento foi adiado para domingo, dia 03/06, de 09 às 16h, na Quinta da Boa Vista, em função da greve dos caminhoneiros, pela escassez de transporte público. Ocorrerão atividades de lazer e cultura, com informações e rodas de conversas sobre a esquizofrenia, com a participação das famílias

>> Leia mais…

Documentário mostra realidade de asilos em Cachoeira do Sul.

Editor do Portal 4 de maio de 2018 Blog, Multimídia 5 comments
featured image

Descaso, sujeira, doenças e infelicidade eram rotina na vida de idosos e pessoas com deficiências mentais alojadas em asilos de Cachoeira do Sul. A partir de uma ação do Ministério Público (MP) do município, foi possível reverter esta realidade – e todo o percurso foi retratado em um documentário, chamado de “Projeto Cuidar – Vidas Reconstruídas”. Em 2015, ao chegar em Cachoeira, a promotora Maristela Schneider (foto) encontrou o cenário devastador das 25 casas geriátricas, que abrigavam 768 pessoas. Entre os internados, idosos e portadores de sofrimento físico e psíquico, naturais de todas as regiões do Rio Grande do Sul – cerca de 60 municípios, conforme o MP. Através do Projeto Cuidar, foram mapeadas as situações de cada um dos

>> Leia mais…

Força do aperto de mão pode estar relacionada com habilidades cognitivas, diz estudo.

Editor do Portal 3 de maio de 2018 Blog, Noticias 2 comments
featured image

Você já imaginou que a força utilizada em um simples aperto de mão poderia estar relacionada a habilidades cognitivas? Pois é isso o que um recente estudo feito por pesquisadores australianos, britânicos e suecos sugere. Publicado na revista Schizophrenia Bulletin, da Universidade de Oxford, o estudo indica que, quanto mais forte um aperto de mão, maiores são os coeficientes de memória visual, tempo de reação, memória numérica, memória prospectiva e raciocínio. O estudo foi conduzido com 475.397 pessoas moradoras do Reino Unido, com dados coletados do UK Biobak, base de dados de saúde do Reino Unido, entre 37 e 73 anos, além de mais 1162 indivíduos com esquizofrenia. “Quando consideramos múltiplos fatores como idade, gênero, peso e educação, nosso estudo

>> Leia mais…

Novos avanços para controlar alucinações auditivas na esquizofrenia

Editor do Portal 26 de abril de 2018 Blog, Noticias 9 comments
featured image

Pacientes com alucinações auditivas verbais (AAV) que não responderam ao tratamento podem apresentar melhora com duas novas técnicas, mostram novas pesquisas. Um estudo realizado pelo Dr. Alexandre Dumais, do Institute Philippe Pinel de Montreal (Canadá), incluiu mais de 50 pacientes com esquizofrenia com AAV refratárias ao tratamento. Os pacientes foram aleatoriamente designados para serem submetidos a uma terapia computadorizada na qual criaram um avatar de seus algozes antes de enfrentá-los, ou a terapia cognitivo-comportamental (TCC) padrão. Os pacientes que realizaram a terapia com avatar não apenas tiveram melhorias significativas nas alucinações auditivas verbais, mas também nos níveis de sintomas de ansiedade e esquizofrenia, e na qualidade de vida. Ambos grupos de pacientes demonstraram uma melhoria nos escores de depressão. Os

>> Leia mais…

Entrelaços 2017: Recuperação e empoderamento da família e dos pacientes para uma nova abordagem na saúde mental.

Editor do Portal 24 de dezembro de 2017 Artigos, Blog, Depoimentos, Multimídia 1 comment
featured image

Assista aos vídeos do encontro deste ano do Programa Entrelaços na íntegra, onde são abordados o papel da família, do paciente e do sistema de saúde dentro de um novo paradigma, o da recuperação pessoal. Descubra a força dos grupos de apoio entre pares e como eles ajudam as famílias e os pacientes na busca por maior capacitação, empoderamento e resiliência, culminando na recuperação de todos para uma vida mais ativa, digna e com qualidade dentro de sua comunidade. O programa Entrelaços é um programa de psicoeducação do Setor de Terapia de Família do Instituto de Psiquiatria da UFRJ (IPUB) que vem formando grupos de apoio entre pares na comunidade para as pessoas que convivem com transtornos mentais severos desde

>> Leia mais…

O modelo de recuperação pessoal: a pessoa no centro da intervenção.

Editor do Portal 12 de dezembro de 2017 Artigos, Blog 11 comments
featured image

Colocar a pessoa no centro da intervenção é talvez a maneira mais simples de descrever a mudança de paradigma que o modelo de recuperação pessoal está introduzindo em grande escala nos sistemas contemporâneos para o cuidado das pessoas com doença mental grave. A pessoa no centro da atenção tem implicações de grande importância que merecem destaque. O que consiste em ser uma pessoa? É uma questão mais para um filósofo do que para um cientista. Para Adela Cortina (“As fronteiras da pessoa”, Taurus Ed 2009, pp.185), “reconhecemos como uma pessoa que tem as capacidades necessárias para a autoconsciência, para o reconhecimento mútuo da dignidade, para agir de acordo com a liberdade e assumir responsabilidades “. Que esta idéia pode ser

>> Leia mais…

Paris e Londres têm as maiores taxas de psicose.

Editor do Portal 8 de dezembro de 2017 Blog, Noticias 5 comments
featured image

Paris e o sudeste de Londres têm as maiores taxas de pessoas que reportam episódios de psicose, de acordo com um estudo internacional divulgado nesta quarta-feira (6) que compara as taxas de distúrbios mentais em seis países. Um total de 17 áreas em Brasil, Grã-Bretanha, França, Itália, Holanda e Espanha foram analisadas pelo relatório do Journal of the American Medical Association (JAMA) Psychiatry. Os pesquisadores descreveram o estudo como a maior comparação internacional de transtornos de psicose feito até agora, e a primeira grande análise deste tipo em mais de 25 anos. Um estudo anterior, de 1992, que abarcou oito diferentes ambientes, rural e urbano, em Índia, Japão, Europa e América do Norte descobriu que as taxas de distúrbios esquizofrênicos

>> Leia mais…

Assista AO VIVO ao evento Entrelaços 2017, amanhã, a partir de 8:45h.

Editor do Portal 1 de dezembro de 2017 Blog, Noticias 2 comments
featured image

Amanhã, sábado, 02 de dezembro, a partir de 08:45h, transmitiremos AO VIVO, diretamente do Instituto de Psiquiatria da UFRJ – IPUB, o evento Entrelaços 2017, evento anual que reúne pacientes, familiares e profissionais de saúde para discutir temas como recuperação, suporte social e estigma dos transtornos mentais severos. Neste dia teremos 3 mesas redondas, uma com os pacientes dos grupos de apoio comunitário do Rio de Janeiro, outra com familiares coordenadores dos grupos e uma terceira com profissionais de saúde mental – VEJA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA AQUI. Não perca! O Portal Entendendo a Esquizofrenia irá transmitir AO VIVO pela internet, através do aplicativo Periscope (disponível para celulares smartphones) e do site do Twitter do Entendendo a Esquizofrenia (disponível pelo computador).

>> Leia mais…

Depoimento de Vitória: “A arte é como consigo encontrar clareza onde tudo é escuridão!”

Editor do Portal 28 de novembro de 2017 Blog, Depoimentos 33 comments
featured image

Os desenhos que ilustram este comovente depoimento são de Vitória. Confesso que passei longos dias pensando no que escrever sobre mim e qual seria o começo de uma história tão confusa, como esta. Me chamo Vitória D’Carlo e o meu forte não são as palavras, são os traços, os sombreamentos, a transformação do que só eu vejo e/ou sinto no que todo mundo pode ver e entender se houver esforço. Eu tenho 20 anos e tenho a total consciência de que sempre tive algo diferente. Tudo sempre pareceu me afetar mais do que deveria, sempre fui muito mais sensível, o que fez meus pais buscarem psicólogos e psiquiatras quando eu tinha ainda 12 anos. Durante a adolescência recebi diversos diagnósticos

>> Leia mais…